Fernando Macedo lamenta “normalidade” eleitoral sem que se esclareça caso Kamulingue/Cassule

Posted: August 3, 2012 in A Voz do Povo, Argumentos, Direitos Humanos

Numa mensagem curta mas muito sentida, o nosso kota Fernando Macedo transmite à sociedade civil e aos partidos políticos que prezam a vida humana, a sua angústia na continuidade da “Festa Eleitoral” antes que se esclareça o escandaloso “caso” dos jovens desaparecidos, os manos Alves Kamulingue e Isaías Cassule. Onde estão os nossos manos? Será digno de quem diz lutar pelos mais elementares valores da existência humana,  fingir-se esta normalidade perante tamanha aberração? Segue o lamento do nosso mano:

“Prezado Amigos e Prezadas Amigas,

Enquanto decorre a “A Festa das Eleições de 2012″ continua a incerteza horripilante sobre o paradeiro de dois  cidadãos angolanos, Alves Kamulingue e Isaías Kassule!
O que se passa na verdade, haverá FESTA com esse facto que não é esclarecido de forma definitiva?
Candidatos e partidos prosseguem a campanha eleitoral…não manda a tradição bantu pararmos e tentarmos saber o que se passa de facto com esses dois filhos de Angola?
 
Sempre que tivermos conhecimento de que algum Angolano ou alguma Angolana está em perigo ou a passar mal e não fizermos o que estiver dentro das nossas possibilidades fazermos para os ajudar, Angola deixa de ser Angola!
 
Vosso,
Fernando Macedo”

Alves Kamulingue. Desaparecido desde 27 de Maio de 2012

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s