Mais de 300 pessoas levantam a voz pela liberdade em Angola

Posted: April 2, 2011 in Angola, Luanda, Manifestação 2 Abril, Notícias, Videos

A manifestação que começou às 13:00 terminou perto da meia-noite. De acordo com os promotores, em alguns momentos atingiram-se os MIL PARTICIPANTES.

 

Centenas de pessoas juntaram-se hoje no Largo da Independência para exigir Liberdade de Expressão em Angola. Os manifestantes fizeram um cordão humano à volta de todo Largo da Independência, rodeando a estátua de Agostinho Neto, gritando “O povo unido jamais será vencido” e “Zedu fora!”.

 

Duas das reivindicações mais destacadas pelos manifestantes foram a libertação imediata do jornalista Armando Chicoca e a revogação da Lei das Tecnologias da Informação e Comunicações (TIC), que vulnera manifestamente direitos consagrados na nossa Constituição.

Comments
  1. Jim Pereira says:

    Olá!
    Postei no blogue “O cão que fuma”:
    http://jimpereira.blogspot.com
    Abraços./-
    Jim

  2. Don king says:

    Estamos num bom caminho, de hoje em diante temos o dever de sair às ruas e exigir os nossos direitos! Somos os reais representantes dos jovens e dos povos. Fomos ordeiríssimos nesta manifestação, conseguimos provar que somos da paz!
    Estamos todos de parabéns!

  3. josé Kakwlama says:

    Nem 50 mabecos estavam lá seus mentirosos. Só à xapada é que ganham juízo.

    • José Kakwalama, não sabe contar? Veja os videos, não caia na propaganda. Éramos muitos, muitíssimos mesmo para o país que temos hoje. Esperemos que se junte a nós. Estivemos a pedir liberdade de expressão também para você. Abraço

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s