ÚLTIMA HORA: Jornalista da RTP agredido; polícias fardados e à paisana reprimem marcha

Posted: September 25, 2011 in Uncategorized

O jornalista da RTP, Paulo Catarro, foi agredido por agentes à paisana e a sua camara foi partida. Puseram-lhe uma substância tóxica nos olhos e a reportagem da RTP foi obrigada a se retirar do local. Momentos antes, um dos manifestantes relatou o clima que se vive na rua Deolinda Rodrigues:

“Até ao momento em que me retirei eramos pouco menos de 100. A policia tentou reprimir até se apeceberem da presença dos Jornalistas da RTP que até ao momento é o único orgão de comunicação social que se faz presente. Isto é a prova de que até a imprensa está corrompida.

Notou-se a presença em massa de policiais à paisana.
Existem algumas senhoras (poucas) dentre as quais, mães dos presos políticos de 3 de Setembro

Uma delas dizia as seguintes palavras para alguns jovens que filmavam a concentração:
“se eles realizaram a manifestação ontem, porque razão estão a reprimir a nossa marcha? Que tipo de justiça é essa? eu quero pedir a comunidade internacional e nacional, até mesmo ao presidente da república para libertar o meu filho, ele está a estudar, eu vendo água para pagar as propinas da faculdade dele” pelas palavras apercebi-me de que se tratava da mãe do Santero, um dos presos em 3 de Setembro que se encontra com o braço quebrado.”

Contactos directos:
936194849; 922350077; 923931465;

Comments
  1. Acre-g says:

    Isso quer dizer que o MPLA já está mais do que preocupado com a situação. tentando controlar até os jornalistas internancionais? Isso é grave! acho que está na hora de mudarmos as estrategias. A marcha tem que passar a ser em frente das embaixadas como a dos Estados Unidos e a França, mas no dia de semana. Assim não vai houver mas intervenções desta natureza.

    • isidro costa says:

      de facto estes tristes eventos como a agressão do paulo catarro podem vir a ser benéficos no futuro, uma vez que quando estrangeiros são apanhados no meio destas «confusões» normalmente a comunidade internacional acaba por lhes dar alguma importância.
      Angolanos, sigam o conselho do Acre-g! revoltem-se em frente às embaixadas das grandes potencias mundiais, só assim conseguirão ter o mesmo protagonismo que as revoltas do mundo àrabe atravessaram nos passados meses! façam o máximo barulho possível, reúnam o maior número de pessoas e derrubem JES! angola é vossa, não dele.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s