Razão para chumbar em Marketing: publicitar o adversário quando ele se sai melhor

Posted: March 20, 2013 in Notícias, Opinião

Felizmente o marketing e as suas teorias não determinam a maior parte das nossas decisões e sabemos ser fairplay, dando crédito onde ele é merecido. Fazemos um pouco de publicidade ao programa medíocre do Carima, ajudamos-lhe a angariar mais uns quantos ouvintes, massajamos-lhe o ego concedendo-lhe a superioridade jogando em casa. Estamos a falar, claro está, do programa “Mais Cidadania” de Alfredo Carima, que teve como convidado no dia de hoje, 19 de Março, o nosso mano Kady Mixinge.

O Kady viu-se várias vezes enrolado nos raciocínios primários com lógicas lineares do irmão Carima, concordando sem que conseguisse antever as armadilhas que lhe eram estendidas e tropeçando vezes a mais. Por vezes estrebuchava e lograva em safar-se e dar a volta, mas sem dúvida que hoje, o mano Kady foi batido pelo pugilismo de mordida na orelha, que lembra a versão pobre do intragável Bill O’Reilly da Fox News.

Apesar de tudo, este tipo de “confrontação” é importante para os jovens integrantes do movimento e deve ser aproveitada sempre que nos seja estendido o convite. Sairemos sempre mais maduros e preparados para o dia em que tivermos de debater com gente de maior gabarito.

Algumas notas para o Carima que nos desdenha, mas que nos vai seguindo para poder destilar o seu ódio no espaço onde não permite contestação que o deixe sem argumentos (de onde nos bloqueou, com todo o direito que lhe é reservado, pois trata-se de um espaço pessoal onde ele alberga quem bem entende):

1 – Crédito é-te devido porque de TODA A IMPRENSA que existe em Angola (privada ou pública e fazendo exceção à Rádio Despertar) tens sido até agora o único que vai revelando abertura para “ouvir” algumas das nossas ideias, mesmo que condicionando-as às tuas perniciosas leituras. A verdade é que temos esses minutos porque tu no-los concedes. Cabe a nós agora saber aproveitá-lo melhor.

2 – Quando fazes a proposta para parceria com o Mais Cidadania…porque não oferecer-nos um espaço para nós na Rádio Mais? Já que há tanta abertura, usa do teu “charme” para convencer a direção a conceder-nos duas horas semanais. Todos sairiam bem na fotografia, a liberdade de expressão que achas estar de saúde e recomendar-se seria fortificada, pois dar-se-ia espaço ao ideologicamente contraditório e a crítica aberta.

3 – Sabes que mentiste deliberadamente ao dizer que não te lembravas de ter dito ao Kady que poderia levar uma pessoa com ele para o “debate” (ouvir ao minuto 1h28m30s). Borraste-te quando viste que essa pessoa era o Mbanza Hamza, proibiste-o de entrar em estúdio alegando esfarrapadamente que “o convite foi exclusivamente dirigido ao Kady e não extensivo a mais ninguém” e não precisas de confessar pois, para evitar que o peixe morra pela boca, vamos “mostrar o pau”, evitando que faças uma figura ainda mais triste:

Carima espeta-se

Posto isto, a linha editorial é pelo Carima definida e ele faz o que bem entender do seu programa. Só temos a louvar o facto de ser dos únicos a convidar figuras como Mihaela Webba e Nfuka Muzemba para espaços (assumidamente) do regime. O que falta para lhe seguirem os passos? Será que todos aqueles que digam em alto e bom som o que pensam não têm o mínimo interesse para os debates promovidos pela nossa “imprensa”?

Segue o audio completo do programa (façam click sobre a imagem abaixo):
carima vs kady

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s