Advogado no processo 15+2 processado

Posted: October 1, 2016 in Luanda

tondela-vs-jaja

Walter Tondela, o destemido advogado que defendeu juntamente com Luís Nascimento 10 dos #Angola17, está agora a ser processado por injúria por ter chamado o tribunal de “incompetente” e ter sugerido que “condenar os 15+duas seria promover o analfabetismo, uma vez que iria desencorajar a leitura que passava deste modo a ser criminalizada”.

Januário e o Ministério Público meteram-lhe um processo que está agora na fase de instrução. Os #Angola17 são chamados a depor na segunda-feira, 3 de Outubro, no SIC, 29ª Esquadra, Bº Popular.

Walter é um jovem e promissor advogado que já em 2013 tinha defendido Domingos da Cruz num processo movido pelo Ministério Público por Crimes Contra a Segurança de Estado, uma vez mais envolvendo um livro da autoria do jovem professor: “Quando a Guerra é Necessária e Urgente”. Só que o MP fê-lo evocando um artigo da lei de 1978 entretanto revogada em 2010 pela nova lei o que tornou o processo inviável, ficando assim demonstrada a incompetência da qual é acusado. Walter conseguiu que Domingos fosse ilibado.

Fica claro que o regime pretende desencorajar não apenas o Walter, mas qualquer outro advogado que preze os valores elementares de um Estado de Direito a “meter-se” em processos políticos.

Temos a obrigação de nos colocar ao lado daqueles que ainda se batem por um país menos desequilibrado. Já são muito poucos para podermos dar-nos ao luxo de os ver ser pressionados sem mostrar solidariedade.

Estamos atentos e estamos com Walter Tondela.

#AngolaLivre

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s